Ano II - Nº 10, Novembro/Dezembro de 2007
Alameda Digital
Tradição e Modernidade
O ataque à igreja
[por João José Brandão Ferreira]

Tenho vindo a afirmar há já basto tempo que o mais importante na vida das Nações são as ideias.
Estas são o verdadeiro motor da Sociedade. O dinheiro, que um número cada vez maior de pessoas põe à cabeça de tudo, segue as ideias e não estas aquele.
A ideia, ainda hoje mais forte é a religiosa e o terrorismo de cariz fundamentalista aí está para desenganar os mais incautos (...) LER TUDO

Olivença Espezinhada
[por Carlos Consiglieri]

Foi preciso chegar aos dias de hoje para se verificar (se assim pudemos afirmar) que em Olivença, apareceram vozes, por ora, ainda, pouco assumidas a defender ideias de autonomia, dentro do quadro legal permitido em Espanha.
A verdade é que Portugal (entenda-se por Governo português) não contribuiu, de forma muito visível, para a criação de posições reivindicativas do território (...) LER TUDO

A Restauração revisitada
[por Mário Casa-Nova Martins]

Conviria lembrar que os factos ocorridos em 1 de Dezembro de 1640 não aconteceram por acaso. Recorrendo a Vitorino Magalhães Godinho, em 1580 a coroa portuguesa foi usurpada à casa a que pertencia de juro e herdade, o ducado de Bragança, por Filipe II de Espanha. Os seus sucessores Filipe III e Filipe IV retiveram-na ilegalmente. Tal retenção não cria com o tempo, por prescrição, direito, e por isso não invalida, mero acto de força como é, a legitimidade dos duques a fundarem dinastia régia. (...) LER TUDO

Sombras da História
[por J. Luís Andrade]

Em todo o mundo, milhares de ucranianos reuniram-se no dia 25 de Novembro para lembrarem as vítimas do genocídio ordenado por Stalin em 1932-33. Decidido a resolver a questão ucraniana cuja identidade nacional acreditava estar fortemente enraizada nas massas camponesas, Stalin mandou elaborar um programa radical de colectivização forçada da terra ao mesmo tempo que elevava as quotas obrigatórias de exportação de trigo (em 44%) nas terras consideradas como o Celeiro do Império Russo.(...) LER TUDO

O Massacre dos Inocentes
[por José Luís Andrade]

A recente beatificação pelo Vaticano de mais 498 mártires da Guerra Civil de Espanha causou um profundo impacto não só em toda a cristandade mas igualmente nas militantes hordas anti-católicas. Fiel ao lema Não tenhais medo! o sucessor de João Paulo II, fez jus à sua tradicional frontalidade elevando ao panteão dos Bem-aventurados a maior leva de testemunhas de Cristo alguma vez proclamada na História da Igreja. Assim, em 12 cerimónias desde 1987, os católicos passaram a contar com mais cerca de 977 beatos, dos quais 11 são já santos, cujo sangue foi derramado durante a Guerra Civil de Espanha e os seus prolegómenos de 34. (...) LER TUDO

Tradición y modernismo en la Iglesia
A ofensiva anti-tradição
Acabemos de vez com este tradicionalismo
Algumas consequências da modernidade: por que razão já não há «interacção homem-máquina», nem «casais com filhos»
Não ser do mundo
Tradição e Modernidade
A Modernidade e os seus Críticos
Tradição e Tradições – Conservar ou Fundamentar?
Sobre a obra de Pitirim Sorokin

Dalai Lama em Portugal
Confusão surpreedente e homologação inaceitável……
“Foi Assim” por Zita Seabra - Comentário
O Bispo Januário deu uma entrevista

A síndroma da ofensiva de Tet na segunda guerra do Iraque
LAG 08
Lixado Pá!
União Europeia - Tratado de Lisboa
Cimeira UE/China
E depois da Globalização?

Suspense
José Antonio, Entre Ódio e Amor
Crónica da Falange de Madrid
Requiem por José Antonio Primo de rivera
Uma mensagem enxertada na história?
Quem é Cottinelli Telmo?
Publicação: Ao Gosto do Gosto

O ataque à igreja
Olivença Espezinhada
A Restauração revisitada
Sombras da História
O Massacre dos Inocentes

Editorial
Ecos da blogosfera
Capa

Nacional Internacional Cultura História Tradição e Modernidade Ficha Técnica Publicidade Contactos Apoie-nos